468x60

CD Nota 10 Com Fernanda Brum (Incuindo Clipe e Letra)


Quando Cura-me chegou às lojas, já era muito aguardado pelo público. Afinal, Fernanda não é só uma cantora de sucesso - já recebeu vários CDs e DVDs de Ouro e de Platina certificados pela ABPD - mas, principalmente, um referencial no segmento evangélico e até fora dele. Atender a essa expectativa exige cuidado a cada decisão tomada, como a escolha da música de trabalho. Cura-me tem 14 faixas que, segundo a presidente da gravadora MK Music, Yvelise de Oliveira, "têm, todas elas, potencial para ganhar popularidade e cair no gosto do público". Como uma só deveria ser escolhida, optaram por "Coração que Sangra", uma letra forte que fala de dor, de desafios vivenciados pelo servo de Deus, e que mostra bem a que veio o CD. Cura-me, oitavo CD da cantora, também reflete muito o momento que Fernanda vive musicalmente. Desta vez, ela não só compôs letras, mas voltou a tocar violão e também desenhou melodias. A produção é assinada por Emerson Pinheiro, seu marido, e parceiro desde o primeiro trabalho. "Eu vivi um momento em que o Emerson estava compondo para o disco solo dele, e eu eu não tive coragem de lhe pedir músicas. Então voltei a tocar violão, entrei dentro do meu quarto e fluiu. Eu pretendo continuar assim, voltar a tocar mais, a estudar mais", promete Fernanda.Essa característica da valorização do violão nas músicas é evidente. Em "Aborto, Não" - um flamenco empolgante -, ele impera. Falar nessa faixa sem explicar um pouquinho não dá. A canção nasceu durante uma viagem à Bahia em que Fernanda presenciou um protesto de mulheres que pleiteavam o direito ao aborto. "Eu vi aquela cena e pensei: tanta gente querendo abortar e eu não tive o direito de ter os dois filhos que perdi? Essa constatação aconteceu depois que eu passei pelo primeiro aborto e tive que ir para uma sala de cirurgia. Naquele dia, entendi que o aborto, a curetagem, era uma violência tão grande que questionei: \'Como uma pessoa é capaz de entrar num centro cirúrgico com uma criança viva no ventre e fazer aquele procedimento?\' Essa canção é um protesto!", decreta Fernanda, levantando a bandeira contra a legalização do aborto no país. Fernanda tem um filho, Isaac, de 4 anos, cujo nascimento é considerado um milagre devido aos outros abortos espontâneos sofridos por Fernanda. Milagre que é cantado na faixa "Não é Tarde", um dueto com Ana Paula Valadão, do Ministério Diante do Trono, que só pôde vivenciar a maternidade depois de alguns anos de espera. Enfim, Cura-me é um disco que fala de bênçãos, de lutas e de vitória, de perseverança, de aflições mas também de bálsamo. "É um disco de cura emocional que tem me feito muito bem", conclui. Agora em meio a essa novidade garanta já o seu e seja curado não só interiormente mas também fisicamente...que o senhor te cure nessa hora em nome de Jesus....confira esse vídeo e depois comente sobre ele.

video

01. Cura-me (Letra)
Autor: Fernanda Brum

TANTA AMARGURA ESCONDI
O MEDO DE NÃO ACERTAR
SONHOS COLORIDOS DESTRUÍ
QUE EU NÃO QUERO MAIS LEMBRAR
NÃO VOU MAIS CHORAR
FOI O QUE DECIDI
NÃO VOU MAIS SOFRER
PRA QUE VIVER ASSIM
COM IMAGENS DA INFÂNCIA,
COMECEI A CHORAR
CAÍ NA CAIXA DAS LEMBRANÇAS
LEMBREI DO TEU OLHAR
ENCHI MEUS OLHOS DE ESPERANÇA
COMECEI A CANTAR
ENTREI DE VEZ NAQUELA DANÇA
PRA NUNCA MAIS VOLTAR

CURA-ME EM MINHAS LEMBRANÇAS
CURA O MEU ALTAR
CURA-ME, SOU TUA CRIANÇA
CURA-ME, CURA-ME, CURA-ME CURA-ME, SENHOR JESUS
CURA-ME, CURA-ME, CURA-ME CURA-ME, SENHOR JESUS

Na próxima quarta você vai conferir o cd nota 10 e um novo clipe. Aguarde! Novidades estão sendo preparadas pra vocês

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 
Blog Diário de Vitórias © 2010 | Designed by Trucks, in collaboration with MW3, Broadway Tickets, and Distubed Tour